Facebook

segunda-feira, 23 de março de 2009

Corto Maltese: La cour secrète des Arcanes, Pascal Morelli



Formato: rmvb
Áudio: Francês
Legendas: Português/BR embutidas
Duração: 1:32
Tamanho: 300 MB
Dividido em 04 Partes
Servidor: Rapidshare
Legendas convertidas em PT/BR: Eudes


Legendas convertidas para o PT/BR:


Sinopse: A história, que adapta o álbum original com fidelidade quase canina, mostra Corto Maltese e seu ocasional parceiro, o russo louco Rasputim, na Sibéria durante a Revolução Russa. Eles são contratados pela sociedade secreta chinesa Lanternas Vermelhas para roubar um trem que carrega o tesouro imperial do czar. Segue-se, então, uma seqüência em que Corto e seus aliados precisam bater os vários senhores da guerra (historicamente corretos!) que dominam o lugar na busca pelo tesouro.

O enredo original foi compreensivelmente abreviado (e simplificado) para caber nos 92 minutos, mas nada de importante se perdeu, para felicidade de quem aprecia uma boa saga!

Além do roteiro excelente, o filme também é impecável no quesito animação. Para ser justo, não seria necessário virtuosismo a fim de mostrar nas telas um episódio de Corto Maltese (gibi que sempre favoreceu mais a trama do que a ação), mas os animadores foram além do chamado do dever e fizeram um trabalho excelente. A habilidosa mistura de técnica tradicional e computadorizada transporta a obra de Pratt para o cinema com absoluta perfeição. Curiosamente o maior destaque é a animação de fumaça (!), talvez a melhor já realizada pelo cinema.

Fonte: Omelete



sábado, 21 de março de 2009

Sobras de Estúdio III

Bem, como qualquer pessoa que trabalha com arte gráfica sabe: após algum tempo ficamos encalhados com inúmeros materiais que acabaram não sendo publicados e postos em circulação (pelos mais diversos motivos). Assim sendo, vou aproveitar o espaço do blog para mostrar estes trabalhos aos quais denominei de “sobras de estúdio”.



Capa do livro Marune: Alastor 933 de Jack Vance para a Editora Francisco Alves. Dez. 2008
.
.
HQ inacabada de 1995.
.
.
.
.